Mostra de Cinema 2008

Começou a Mostra e junto toda a putaria dela: estava um inferno no Unibanco Arteplex, fila gigantesca para entrar na sala, atrasos pro início da sessão e, claro, aquela renca de cinéfilos loucos para ver a maior quantidade de filmes obscuros do mundo.

Um caso ilustra bem uma parcela dos “cinéfilos” que frequentam a Mostra. TInha cabado a sessão de Liverpool e encontrei um conhecida da USP. Quando conversávamos apareceu uma senhora conhecida dele, o cumprimentou cordialmente e sua primeira pergunta foi: “E aí, já viu quantos?”. Que se dane a opinião crítica do filme que acabou de passar ou dos que ele já possa ter visto. O importante para essa parcela dos cinéfilos é a quantidade e/ou obscuridade dos filmes vistos. Isso me dá gastura, tenho que confessar…

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: