Rubem Fonseca 1

Acabo de ler uma “bíblia” (799 páginas) de Rubem Fonseca lançada pela Companhia das Letras a algum tempo. 64 Contos de Rubem Fonseca é uma coletânea de contos do autor que reune um pouco dos vários momentos de sua obra.

De seus livros, já tinha lido Feliz Ano Novo, Agosto, O Caso Morel e Romance Negro. A coletânea foi interessante para me dar um panorama mais vasto de sua obra.

Sempre achei Fonseca muito interessante. Sua prosa é seca, porém verborrágica, as palavras explodem na página como se não tivessem lugar, causa uma sensação de desconforto pelo o descobrimento de um novo mundo.

Esse mundo que se descobre é sujo, cruel e perturbadoramente comum. Estão todos juntos advogados, socialites, ladrões, economistas, empresários, copeiros, enfermeiras, prostitutas, poetas, acadêmicos, estupradores, garçons, assassinos.

Aí mora o interesse: um mundo que poderia parecer apocalíptico e vazio de valores é, nas histórias de Fonseca, normal. O valor do mundo é o não-valor, ou melhor, os valores morais são impostos, existem apenas como produto de uma organização social arranjada, antinatural.

O mundo de Fonseca é uma terra onde a besta humana – cuja representação vai de amor e raiva a sangue e excrementos – entende a regra do jogo, porém não as incorpora como sua.

Naquele que considero um dos pontos altos de sua obra, Passeio Noturno, um homem bem-sucedido alivia os males da vida assassinando pessoas desconhecidas, atropelando-as com seu Jaguar. Para os impulsos não há regras. Nem nada de “especial” nisso.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: